Arquivo do mês: abril 2009

There’s a little guy upstairs

Fazia tempo que não, mas me ocorreu um dia em que me senti comprimida num beco, daqueles escuros sem saída adiante, pois no adiante tem uma parede e no acima, suspeito, com medo de espiar, não haver saída que eu alcance. … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário